primeira-venda-como-afiliado-sem-gastar-nada

Ganhar dinheiro na Internet de forma honesta é realmente possível?

Ganhar dinheiro na internet de forma honesta é realmente possível? Se este artigo representa sua primeira incursão no mundo de ganhar dinheiro on-line, você pode estar se perguntando: “É realmente possível ganhar dinheiro na Internet?”

A resposta a essa pergunta é um “sim”, com certeza.

Milhões de pessoas em todo o mundo ganham parte ou toda a sua renda online.

Não estou falando apenas de grandes empresas, mas de pessoas que trabalham no conforto de suas próprias casas usando sites que criaram para ganhar somas incríveis de dinheiro a cada ano, entra ano, sai ano.

Ao se deparar com esse fato, você pode começar a pensar: “sim, mas essas pessoas provavelmente são gênios da computação que passaram toda a vida atrás de um computador”.

Nada poderia estar mais longe da verdade.

Antes de começar, quero lembrar você de que este é um conteúdo completíssimo, logo, extenso. Apesar da leitura ser longa, tive o cuidado de não deixá-la cansativa.

Leia até o final que vai ser bastante produtivo, eu garanto.

>> Leia Também: Como Vender Como Afiliado – 05 Passos Infalíveis Para Vender No Facebook

Ganhar uma renda significativa usando a Internet não requer nenhuma habilidade específica conhecimento avançado com computadores e internet.

Há uma quantidade incrível de informações disponíveis para ajudá-lo a começar com seu próprio negócio on-line rentável, não importa o quão pequena seja sua experiência.

Com este artigo, esperamos familiarizá-lo(a) com algumas das informações básicas necessárias para colocar seu negócio na Internet em funcionamento, incluindo tópicos como que tipo de empresa escolher, como criar um website e até mesmo atrair visitantes para o site, uma vez que você já o tenha construído.

Certifique-se de ter o seu tempo e estudar cada seção com cuidado, porque ao longo do artigo nós fornecemos-lhe informações detalhadas e links do site que lhe dará todos os recursos necessários para começar hoje. Então, o que estamos esperando? Vamos começar…

Então você quer um negócio online

Eu quero começar esta seção perfurando um ponto em sua cabeça.

O tópico de decidir que tipo de negócio na Internet você deseja visto que a temos uma infinidade de opções online.

A área de opções disponíveis para você pode simplesmente ser opressiva às vezes e esse fato por si só faz com que muitos nunca passem da linha de partida.

Você nunca ganhará um centavo se não agir, então decidir qual tipo de negócio você possuirá e que tipo de produto você venderá deve ser algo que você deve focar primeiro.

Se você seguir as informações que dispus para você, a criação do seu negócio inicial não exigirá muito capital inicial, portanto, se você decidir que o produto escolhido não é rentável ou simplesmente não o interessa, mudar de marcha e seguir um caminho diferente não representará uma enorme perda financeira;

Dito isto, forneceremos dicas ao longo do caminho para ajudar a minimizar o risco associado à sua decisão inicial.

Uma das maneiras mais fáceis de começar a trabalhar na Internet é através da venda de produtos de informação.

Os produtos de informação são simplesmente aqueles que fornecem informações sobre um assunto específico sobre o qual você deseja saber mais.

Qualquer um que tenha interesse em qualquer assunto gostaria de receber informações mais detalhadas sobre o seu interesse e fornecer isso a eles em um produto atrativo e fácil de consumir tem sido a base de mais de uma história de sucesso na Internet.

Vamos dar uma olhada em algumas maneiras de encontrar um produto para vender na Internet

Produtos afiliados  

Tornar-se um afiliado do produto de outra pessoa é incrivelmente fácil e pode ser incrivelmente lucrativo.

Você está simplesmente agindo como um vendedor de um produto que outra pessoa criou e usará seu website para ajudar a vender este produto.

O criador do produto paga a você, ao afiliado, uma comissão por cada venda que você faz e, por sua vez, sua pessoa não será responsável por nenhuma sobrecarga ou serviço relacionado à criação, entrega ou manutenção do produto depois que você fizer a venda.

Muitas empresas grandes e bem conhecidas têm programas de afiliados e pagam uma porcentagem das vendas feitas de qualquer visitante que você envia para o site.

Além disso, muitos comerciantes da informação criaram produtos individuais para venda na Internet e permitem que você ganhe comissões sobre as vendas também.

Esses produtos de informação são incrivelmente populares na Internet e, por causa disso e dos lucros potenciais que podem ser obtidos com bastante facilidade, eles serão o foco da maior parte de nossa discussão ao longo deste artigo.

Um dos lugares com mais opções de lojas grandes é a Rakuten Marketing. É parceira de milhares de empresas on-line para encontrar produtos que todos gostam ou precisam. É muito boa.

Rakuten oferece a você a possibilidade de se cadastrar gratuitamente e se tornar afiliado de milhares de produtos.

Basta escolher um desses produtos e construir o seu site e os esforços de marketing em torno dele.

Depois de se inscrever no programa, você poderá usar uma infinidade de materiais de publicidade para ajudá-lo a atingir suas metas de venda.

Apesar de ganhar uma porcentagem de uma venda através de um programa de afiliados ser atraente, especialmente considerando a rapidez com que os programas podem ser configurados. Entretanto, estar ganhando 100% da venda pode ser ainda mais atraente.

A única maneira de fazer isso é criar seu próprio produto.

Criando seu próprio produto

Esta declaração pode até lhe chocar, mas aposto que você mesmo(a) tem dentro de sua mente informações que gerariam um produto de informação incrivelmente valioso e lucrativo.

O fato é que todas as suas experiências, talentos e habilidades, se colocadas no formato adequado, podem muito bem representar um valor para alguém que não tenha esse conhecimento ou habilidade.

Basta fazer uma lista de qualquer hobby ou talento que você possa ensinar a outra pessoa.

Se houver um interesse suficientemente grande em um assunto específico sobre o qual você tenha conhecimento, não hesite em criar um produto.

No que diz respeito ao mundo online, um especialista é apenas alguém que pode fornecer informações específicas sobre um assunto que alguém quer pagar para aprender.

Criar seu produto também não requer nenhuma habilidade especial.

Um produto vendável pode ser tão simples quanto um e-book, como este artigo que você está lendo agora, ou um programa mais detalhado que pode incluir uma série de vídeos, lições em áudio ou uma combinação de qualquer um dos três.

Há muitos lugares on-line que você pode usar para terceirizar o trabalho a ser criado.

Se você pode digitar ou falar em um microfone, então alguém pode levar este material gravado e transformá-lo em um produto de informação que você pode vender em seu site.

Para obter informações mais detalhadas sobre esse assunto em particular, basta ir à Desafio 30 dias e se inscrever para fazer.

Agora que você tem o conhecimento e a mercadoria, é hora de abrir uma loja virtual.

Depois de decidir criar ou comprar um determinado produto, é hora de começar a construir sua loja. Nesse caso, é claro, sua vitrine será seu website.

O primeiro e um dos assuntos mais importantes sobre os quais falaremos na criação do seu site, escolher um nome de domínio.

>> Leia Também: Afiliados – Porque Você Não Vende!

Escolhendo e comprando seu nome de domínio

Não existe uma regra que diga que o primeiro passo para a criação do seu site deve ser o nome do seu domínio, mas o nome do seu URL será usado em todo o seu marketing e no seu site.

Por isso faz sentido seguir em frente e cuidar dele agora.

Só para esclarecer, o seu URL é o endereço do site real, como www.seu-site.com.br.

Neste caso, o seu site seria o seu nome de domínio.

Escolher o nome do seu domínio é importante e quanto mais simples e específico, melhor será o conteúdo do seu site.

Se o seu site é sobre como aprender a jogar tênis melhor, então www.aprendatenishoje.com.br faria um endereço de site muito bom.

Quanto mais curto você conseguir, melhor.

A maioria dos nomes de domínio realmente curtos praticamente desapareceu nos dias de hoje, mas se você puder encontrar um que se encaixa, pode ser uma ótima escolha.

Aqui está uma lista rápida de algumas dicas que podem ajudar você a escolher um bom nome de domínio para o seu negócio on-line.

  1. Mantenha-o simples – use poucas palavras, mas torne-as específicas para o seu tópico. Quanto menos palavras, mais fácil de lembrar e digitar quando lembrar.
  2. Incorporar palavras-chave, se possível- Não é mais um fator de ranqueamento, mas se você pode incluir palavras-chave que as pessoas estão procurando em seu nome de domínio, isso ajudará o seu site aparecer nos motores de busca quando as pessoas estão pesquisando em seu tópico.
  3. Escolha sua extensão no site www.seusite.com.br, .com.br é sua extensão. Existem outros disponíveis para diferentes setores, como .edu para educação e .biz para negócios, mas .com.br é o mais antigo e ainda mais popular. Se você pode obter um .com.br para o domínio que você selecionou, então pegue-o.

Ao escolher comprar seu nome de domínio, uma empresa é sempre minha primeira busca. Acima de todas as outras:

Onde comprar domínios

Há certamente muitos lugares onde você pode comprar nomes de domínio on-line, como Superdomínios, também na GoDaddy que é a TOP 1 em domínios .com e na Hostinger é onde eu compro mais domínios .com.br devido ao valor.

A compra de domínio é um processo bem simples. Você entra nos sites, escolhe o nome de domínio, a terminação e em seguida vai para o checkout fazer o pagamento.

Além disso, muitas vezes as empresas oferecem descontos grandes a medida em que estenda os anos em que o domínio será registrado.

Tanto a equipe de suporte da Hostinger quanto a da Godaddy, pra mim, são excelentes.

Sua equipe de suporte de atendimento ao cliente em tempo integral pode lhe conduzir durante todo o processo com facilidade.

Hospedagem

Como ganhar dinheiro on-line: vamos começar. A melhor analogia que posso dar à relação entre Hospedagem e seu site é: hospedar é como um pedaço de terra, e um site é como uma casa que você coloca nele.

Seu site precisa de um lugar para morar na Internet e é exatamente isso que os serviços de hospedagem oferecem.

Eles ajudam a garantir que seu site esteja on-line e visível para todos na Internet, 24 horas por dia.  

Há várias coisas para procurar ao escolher um serviço de hospedagem e apenas um deles é o preço.

Por causa da concorrência no mercado, o preço da hospedagem caiu drasticamente ao longo dos anos, enquanto a quantidade de serviços que eles oferecem subiu.

A principal coisa que você quer se preocupar é com a qualidade e nível de serviço que você recebe dessas empresas de hospedagem.

É lamentável pensar, mas o fato é que os problemas podem e provavelmente surgirão com o seu site em algum momento.

É reconfortante saber que a empresa de hospedagem que você escolheu estará lá quando você precisar.

Isso deve incluir uma variedade de maneiras de se comunicar com eles, incluindo, claro, e-mail e telefone, chat online.  

Se a empresa de hospedagem com a qual você trabalha fornece apenas serviços de e-mail, isso pode diminuir sua eficácia em momentos de dificuldade.

Além disso, certifique-se de anotar suas horas de serviço porque, ao contrário de uma loja de tijolos e argamassa, seu site estará disponível para os clientes 24 horas por dia, sete dias por semana; você quer que seu host esteja disponível para você também.  

Sua conta de hospedagem é onde você vai carregar os gráficos do seu site para depois ser enviado para ir ao vivo na Internet.

O processo de fazer isso é chamado de FTP ou protocolo de transferência de arquivos. O processo é incrivelmente simples usando os painéis de controle que estarão disponíveis para você em sua conta de hospedagem.

Dependendo do nível de serviço oferecido ao cliente que a empresa de hospedagem oferece, eles poderão orientá-lo nas primeiras vezes para garantir que tudo corra bem.

Abaixo estão apenas algumas empresas de hospedagem que forneceram um serviço excelente para mim ao longo dos meus anos online.

Elas são apoiadas por uma enorme quantidade de feedback positivo de clientes antigos e atuais.

Nós fornecemos alguns detalhes básicos sobre cada empresa, mas certifique-se de visitar cada site para investigar os termos e serviços de cada empresa para decidir qual deles será o ideal para o seu projeto de site on-line.

>> Leia Também: Psicologia De Vendas – 07 Gatilhos Mentais Que Aumentam Suas Vendas (Garantido)

Qual Hospedagem Escolher?

SiteGround, minha atual hospedagem é incrivelmente boa para suporte e velocidade.

A Siteground tem uma excelente reputação no setor e, dependendo do escopo do seu projeto, pode hospedar seu site por apenas US$ 3,95 Dólares por mês. Nas lojas Americanas já é possível comprar cartões como NUI, que são pre-pagos, recarregáveis e internacionais.

Meu plano atual, o Growbig, de $5,95 dólares por mês, suporta tranquilamente meus projetos atuais. O ponto negativo: Ela é toda em inglês, o pagamento é em dólar e os custos para itens adicionais são um pouco mais altos que a minha preferida no Brasil. Possui e-mails infinitos mas não com espaço infinito como a Hostinger.

Pontos positivos são todos os outros. Velocidade do site, atendimento, quantidade de recursos, O Suporte é algo absurdo de bom. Já precisei deles algumas vezes para ajustar certificado de segurança, e-mail, e outros itens e todas as vezes me surpreendi.

Atendimento espetacular, profissionais extremamente capacitados, de uma educação e boa vontade impecáveis e não saem do chat enquanto eu não estiver com meu problema resolvido.

Hostinger – A hospedagem da Hostinger, no Brasil é a minha favorita, apesar de compartilhada.

Eles já têm bastante tempo no ramo e eles estão fazendo um grande sucesso com a incrível variedade de serviços que estão oferecendo aos clientes.

Embora outros serviços de hospedagem forneçam apenas algumas opções para ajudá-lo a criar um site, a hostinger, assim como a siteground apresenta isso como um dos principais benefícios de assinar com a empresa.

Mais uma vez, o nível de serviço ao cliente e comunicação tem sido em grande parte positivo de pessoas que lidaram com esta empresa.

Pontos negativos da Hostinger que eu encontrei, foi não ter suporte para VPS e servidores mais avançados.

Entretanto, valores, suporte (para compartilhada) também é excelente (exceto aos domingos a noite).

Apesar de informarem que é suporte 24/7 já tive quedas em meus sites no domingo a noite, porém só com retorno na segunda pela manhã. Nada que prejudicasse minha vida.

Todas duas, eu recomendo para você. Já vi muita gente recomendando a Hostgator. Não conheço, mas dos anos que tenho de pesquisa, fóruns, redes sociais e similares, dizem que o suporte é terrivelmente ruim.

Entretanto, como não conheço deixo a seu critério decidir

Vultr + Digital Ocean para aqueles usuários mais avançados, que já têm bastante tráfego, muitos sites e precisam de um servidor vps, dedicado muita pessoas recomendam essa combinação.

Algumas das maiores feras do mercado utilizam estas. É mais difícil de usar e configurar. Mas, se alguém de TI lhe der um suporte para configurar, então não pensa 2x

Acelera aí seus sites. Qualquer uma das 04 que escolher, vai estar em boas mãos, eu garanto.

Vale a pena se manter em apenas uma?

Por causa dos baixos preços associados às empresas de hospedagem hoje e da facilidade geral de uso em trabalhar com eles, muitas pessoas consideram seus serviços de hospedagem de sites como garantidos; Isto é um erro.

Toda a quantidade de trabalho que vai para projetar e construir um site, para não mencionar direcionar o tráfego para ele, a fim de vender um produto que você está apresentando seria completamente uma perda de tempo, se ninguém pode vê-lo.

Desenvolver um forte relacionamento com uma empresa de hospedagem de renome deve ser o primeiro passo para o seu empreendimento de marketing on-line.

Se você pegar um bom começo, você pode ter acabado de começar um relacionamento que vai durar anos e acabar sendo muito, muito rentável para o seu negócio no médio, longo prazo.

Construindo seu site

Então, nós compramos a terra (hospedagem) e agora é hora de construir a casa (site).

Como todos os aspectos de produtos e serviços que estão disponíveis na Internet, há quase uma quantidade ilimitada de direções que você pode seguir com a criação do seu site.

Já se foram os dias de websites simples de cartão de visita estático que apresentavam um pouco de informação sobre sua empresa e um número de telefone na parte inferior ou um link para um e-mail.

Hoje em dia, os clientes da Internet são experientes e é preciso muita iniciativa de marketing e vendas para incentivá-los a fazer uma compra com você em comparação a outro fornecedor on-line.

Há vários aspectos que devem ser levados em conta na criação de um site de sucesso e incluem desde o design e os gráficos do site, a página de vendas apresentada, os recursos de acompanhamento ou acompanhamento do cliente e, finalmente, o uso de outros tipos de tecnologia em seu site.

Site para incentivar as vendas e chamar a atenção.

Elementos de um website de sucesso

Design/gráficos do site – se você gastou algum tempo pesquisando na Internet, provavelmente já viu alguns sites bastante chamativos.

Algumas das luzes piscando e desenhos que saltam para você quase fazem você pensar que você está visitando a bela Las Vegas.

Com demasiada frequência, as pessoas assumem que devem tornar seu site ousado e o mais graficamente intenso quanto possível, mas isso simplesmente não é necessário.

Seu website será criado para fazer uma coisa e apenas uma: converter visitantes em compradores.

Não há nenhuma regra específica que declare que você deve ter uma quantidade absurda de gráficos sensacionais para fazer isso e, muitas vezes, um site simples funcionará ainda melhor do que um que seja chamativo com maior tempo de carregamento.

Dito isto, você não quer um site que não contenha nada além de palavras, pois seu visitante rapidamente ficará entediado e tenderá a se manter à distância.

Uma boa combinação de gráficos atraentes específicos para o seu produto, bem como uma quantidade razoável de conteúdo destinada a ajudá-lo a vendê-lo, é o que é necessário.

Você certamente vai querer ter um logotipo de algum tipo e pode optar por incorporar isso em um cabeçalho, que é uma barra gráfica a qual vai para o topo do seu site.

Além disso, fotos do produto que você está vendendo, bem como quaisquer outras imagens que pertencem ao produto, geralmente são úteis.

Não se preocupe muito com gráficos neste ponto, porque se você é um iniciante completo, existem muitos serviços gráficos e de criação de sites disponíveis que podem lidar com o processo do início ao fim por taxas muito razoáveis, como por exemplo o Vintepila; Fiverr; Workana; 99freelas etc.

Criando sua página de vendas

Quando alguém acessa seu website, é sua tarefa garantir que a mensagem oferecida seja atraente o suficiente para incentivá-lo a comprar o produto. Isso é feito através do uso da página de vendas com técnicas específicas de Copywriting

Dois dos melhores títulos sobre o tema que eu já comprei e recomendo são esse e esse. Se você prefere livros físicos, este e este aqui são os melhores, não diminuindo os outros.

Basicamente, o conteúdo, pelo menos na primeira página do seu site, fará parte da composição da página de vendas.

Você vai querer incluir todos os recursos e benefícios relativos ao seu produto, bem como depoimentos de clientes satisfeitos.

Criando uma página de vendas que realmente faz um trabalho efetivo de converter visitantes do site para compradores é um pouco de uma forma de arte. Analise esta página e veja se, ao final, você ainda tem alguma dúvida sobre o produto. Eu duvido.

Muitos copywriters bem sucedidos cobram milhares de dólares para criar essas cartas de vendas, mas existem alternativas muito mais baratas disponíveis para você como mostrei acima.

Entretanto, se a sua mentalidade ainda está presa em “não tenho dinheiro” para investir em aprender o que é efetivo, uma maneira é simplesmente criar a carta de vendas por conta própria.

Se você dedicar um tempo para incluir as razões convincentes de por que alguém estaria interessado em comprar seu produto, você pode ter um grande sucesso fazendo isso sozinho sem gastar nenhum dinheiro.

Se você optar por ir sozinho, existem alguns recursos na Web para ajudá-lo, basta pesquisar como escrever uma carta de vendas na Internet para obter todas as informações gratuitas necessárias para ajudá-lo em sua jornada.

O grande problema disso tudo é que ao digitar isso, você vai encontrar MILHARES de informações diferentes, o que pode lhe gerar uma overdose de informação e lhe manter paralisado(a).

Foi o grande erro que cometi no começo. Por 3 anos e meio eu estudei tudo sozinho e com o excesso não consegui sair do lugar. Meu primeiro resultado como afiliado foi após adquirir um método e ter um caminho já comprovado para caminhar.

Contudo, é perfeitamente possível, com paciência e dedicação estudar desta forma e conseguir completar sua primeira carta/página de vendas.

Acompanhamento de clientes

Assim que chegar ao ponto em que as pessoas realmente visitam seu site, você quer ter certeza de que capturou algumas de suas informações.

Seja com formulário de contato para e-mail marketing, seja com outra coisa. Porque, se elas não comprarem a primeira visita, você não terá como fazer o acompanhamento com eles se eles saírem.

A melhor maneira de fazer isso é através do uso de um auto-responder. Um auto-responder é simplesmente um tipo de software que lhe permitirá enviar mensagens via e-mail, pré escritas e enviá-las para seus potenciais clientes em intervalos regulares. [Quem não é visto, não é lembrado].

Você pode incentivar os visitantes a enviar seu nome e endereço de e-mail em um pequeno formulário localizado na sua primeira página, atraindo-os com ofertas gratuitas, se assim o fizerem.

As ofertas gratuitas associadas são as mensagens de acompanhamento que você enviará usando o auto-responder que estão na forma de dicas e informações valiosas referentes ao assunto do produto que você está vendendo.

Essas mensagens de acompanhamento não serão necessariamente mensagens de vendas, mas permitirão que você fique na mente do cliente em potencial e lembre-o de que seu produto está disponível.

Oferecer dicas e informações úteis relacionadas ao assunto no qual eles estão interessados ​​é muitas vezes valorizado pelos clientes em potencial e eles podem permanecer na sua lista de e-mails por algum tempo.

E eventualmente, quem sabe, comprar o produto que você está vendendo quando eles se inscreverem, ou talvez optar por comprar algo mais você começa a vender em uma data posterior.

Ao falar sobre o assunto de auto-responders, dois nomes que eu já usei e gostei muito foram o Benchmark Mail, E-goi, o MailChimp.  Meu atual e, em minha opinião, o melhor e mais simples que já usei, é esse. Comecei a usar e nunca mais troquei. Entretanto, também tem outras opções muito boas como Aweber; ou se preferir Active Campaign.

Decida o que melhor se encaixa ao seu projeto e “mão na massa”.

Simplificando, para ganhar dinheiro na internet de forma honesta e automatizada, os auto-responders tornaram-se opção incrivelmente valiosa para quem deseja estabelecer uma presença on-line lucrativa e, ainda hoje.

Lembre-se, o seu auto-responder basicamente age como um funcionário da sua empresa e trabalhará incansavelmente para lembrar a todos da sua presença nos tipos de ofertas que você tem disponível.

Sim, ainda vale a pena investir nessa estratégia.

Se você confiar na tentativa de vender a todos na primeira visita ao seu site e não aproveitar essa tecnologia incrivelmente útil, estará deixando muito dinheiro na mesa.

Configurar uma conta de auto-responder através de qualquer um destes sem instrução, pode parecer difícil no começo, entretanto, após, se tornará extremamente fácil.

Além do serviço ao cliente que eles oferecem ajudará a guiá-lo pelo processo na primeira vez, se necessário.

Recebendo Pagamentos

Quando a Internet foi desenvolvida, o processamento de pagamentos on-line era praticamente inexistente.

A maioria das empresas simplesmente incluía informações de onde você poderia enviar seu cheque ou ordem de pagamento, ou um número 0-800, para o qual você poderia ligar para fazer uma compra pelo telefone.

O mundo de alta velocidade da Internet torna essas opções quase obsoletas agora.

Se alguém estiver interessado em seu produto e estiver pronto para comprá-lo, você deverá fornecer a eles a capacidade de fazê-lo.

Isso nos leva ao ponto de processamento de pagamento.

Seu site deve ter a capacidade de processar/receber os pagamentos do cliente para entregar o produto que deseja comprar.

Existem duas maneiras principais de fazer isso, sendo uma delas uma conta comercial tradicional e a outra, processadores de pagamento on-line, como o PayPal ou pagseguro.

Para ganhar o máximo de dinheiro com o seu site, você quer quantas opções de pagamento forem possíveis, portanto, escolher essas duas opções é a melhor maneira de fazer isso.

Se você é novato no mundo de fazer dinheiro online, usar uma conta do PayPal oferece uma opção extremamente fácil de começar caso você não possua acesso às plataformas de afiliados.

Com o PayPal, basta registrar e adicionar as informações da sua conta bancária e confirmá-las.

Depois de configurar sua conta, você pode instalar um botão “Comprar agora” diretamente em seu website que, uma vez clicado, permite que o cliente faça um pagamento que será enviado diretamente para sua conta do PayPal.

Quando você estiver pronto para fazer uma retirada, basta clicar em retirar e o dinheiro será colocado em sua conta bancária já descontada a taxa.

O PayPal simplesmente cobra uma pequena porcentagem da transação como pagamento da mesma maneira que o processadores de cartão de crédito fazem.

Para mais informações sobre como funcionam, sugerimos que você visite cada um dos dois sites ao lado: PagseguroPaypal

Ok! Nós escolhemos um produto, escolhemos um serviço de hospedagem, criamos nosso site, incluindo elementos específicos e técnicas avançadas necessárias para ajudar a torná-lo lucrativo, assim foram feitos, certo?

Bem, quase. Se você parasse aqui, você provavelmente nunca faria um centavo.

A razão é porque ninguém sabe que você existe. O próximo passo em nossa jornada para ganhar dinheiro on-line é atrair visitantes para o seu site.

Como conseguir visitantes para seu site

O assunto de obter tráfego para o seu site é imenso.

Poderíamos começar a discutir uma infinidade de maneiras que você poderia usar para fazer isso e em cerca de 100 páginas depois, teríamos apenas começado a arranhar a superfície.

Atrair tráfego segmentado de qualidade é talvez a habilidade mais valiosa que você pode ter como um profissional de marketing na Internet.

Sem clientes em potencial, você simplesmente não tem negócios.

Decidi que a melhor maneira de lidar com o assunto em nosso artigo aqui era simplesmente fornecer uma lista de algumas das formas mais comuns de atrair o tráfego ao site com aqueles que são geralmente considerados os mais fáceis e produzirão os resultados mais rápidos primeiro.

É recomendável que você comece a investigar e aprender sobre cada método com mais detalhes, pois quanto mais conhecimento você obtiver sobre os assuntos que geram renda, mais dinheiro em potencial você poderá ganhar com seu negócio on-line.

Dizendo a todos que você conhece

Assim que o seu site for ao ar, grite para o mundo!

Embora nem todos que você conhece estejam interessados ​​no produto que você está vendendo, eles podem saber de alguém que é ou pode oferecer a você informações valiosas sobre como melhorar seu website.

Inclua o URL do seu site na sua assinatura

Pense em quantos e-mails você envia por semana. Você simplesmente coloca a URL do seu site abaixo do seu nome em todos os e-mails e age como uma fonte constante de publicidade gratuita para você, bingo!

Faça uso desta dica simples e você terá pessoas visitando seu site.

O marketing em sites parceiros é exatamente o que parece: artigos que são escritos sobre o assunto dos tipos de produtos que você vende são submetidos a diretórios on-line.

Uma vez que estes artigos tenham sido submetidos, outros sites podem optar por usar o seu artigo como conteúdo para o seu próprio site e dar-lhe crédito por escrevê-lo, bem como um link para o seu site.

Se o artigo é bem escrito e desperta o interesse do leitor, então eles podem optar por clicar no seu site.

Além disso, os outros sites que contêm seu artigo no link ajudarão a classificar seu site nos mecanismos de pesquisa.

Dessa forma, se alguém estiver procurando algo nos mecanismos de pesquisa sobre o assunto do produto, é mais provável que ele encontre seu site nos resultados da pesquisa.

O marketing através de troca de artigo é gratuito e pode resultar em cliques imediatos se o conteúdo e a redação do artigo gerar interesse e, claro, se o site alheio tiver visitas.

Ser referenciado a partir de outros sites

assim como no caso do marketing do artigo, o link do site em destaque em outra página da Web é uma coisa muito boa.

Em primeiro lugar, dependendo das informações fornecidas com o link, algumas pessoas podem clicar no link para obter mais informações.

Além disso, todos os links para o seu site ajudarão a aumentar os resultados dos mecanismos de pesquisa também, desde que não sejam sites de SPAM ou que estejam na blacklist do Google.

PPC

significa pagamento por clique. Eu não recomendo começar aqui até que você tenha conhecimento de como esse programa funciona.

Basicamente, você aposta em uma palavra-chave ou frases de palavras-chave que alguém pode digitar em um mecanismo de busca.

Se seu lance for alto o suficiente, seu website aparecerá no topo das listagens, aumentando muito o potencial de alguém clicar em seu site.

A menos que seus visitantes sejam extremamente segmentados, no entanto, você pode acabar obtendo muito tráfego, mas sem vendas.

Assim, esse método de geração de tráfego pode ser muito caro se você não souber exatamente o que está fazendo.

Por outro lado, se você tiver um orçamento e entender como o processo funciona, essa pode ser uma das maneiras mais rápidas e eficazes de obter tráfego para seu website.

SEO

meu favorito, significa otimização do site para os mecanismos de busca.

Este é o processo associado a garantir que seu site seja encontrado quando alguém digitar um termo de pesquisa em um mecanismo de pesquisa.

Por exemplo, se você digitar no Google, consultor de Seo em salvador, vai encontra meu site [https://consultordeseo.pro] na primeira página.

Este é talvez o aspecto mais difícil e mais mal entendido sobre o tema do marketing na Internet. Porque o assunto é muito extenso, mas pouca coisa é muito efetiva.

A propósito, eu criei um e-book demonstrando passo a passo como consegui 173 novos clientes para um delivery japonês em apenas 02 meses e como você pode utilizar essas mesmas técnicas para ser encontrado(a).

Esse mesmo método utilizei para ranquear meu site de consultoria, artigos, o site de uma agência de publicidade, escritório virtual e etc..

Voltando ao artigo, como a Internet mudou muito desde a sua criação, os mecanismos de busca trabalham de forma muito diferente do que há poucos anos atrás.

Por causa disso, muitas pessoas ainda estão tentando táticas mais antigas que não produzem mais resultados reais.

Então é fácil ficar confuso com as informações que você encontra na rede. Uma dica importante que permanece constante é garantir que você altere e/ou atualize regularmente o conteúdo do site (para mais).

Quando a mecânica de um mecanismo de pesquisa indexa sites de conteúdo para classificá-los corretamente, os sites que apresentam conteúdo atualizado e com as técnicas adequadas, são muito melhores do que outros que permanecem estáticos.

Também é possível pesquisar na Internet encontrar muita informação sobre o assunto. Leia tudo o que puder sobre o processo de SEO, porque, a partir de hoje, você vai começar a perceber que 80% do conteúdo que você estuda não te dá resultado algum.

Foca no que traz resultado e esquece o resto. Essa é a melhor sacada que você vai receber esse ano. Antes de entrar de cabeça em um assunto, pergunte-se: Dá resultado

Existem muitas empresas que oferecem serviços de otimização de mecanismos de busca, mas tenha cuidado, e certifique-se de verificar os resultados obtidos para outros antes de entrar em um acordo com eles ou você pode acabar gastando muito dinheiro com muito poucos resultados para mostrar por isso.

Você está agora pronto(a) para voar!

Se você seguiu todos os passos acima, agora já deve ter um site que esteja pronto na Internet, oferecendo um produto específico para um mercado específico e atraindo, com sorte, os visitantes que estão fazendo compras.

É claro que todo o processo é muito mais fácil de dizer do que fazer, mas se você dedicar um tempo para entender as informações fornecidas e investigar os recursos fornecidos a você por meio dos vários links da Web, poderá criar seu próprio money site facilmente em menos de uma semana.

Uma vez que seu negócio esteja funcionando, o trabalho não para por aí.

Como esse é um negócio, você deve tratá-lo como um e trabalhar para melhorar constantemente todas as facetas.

Incluindo a aparência do seu website, a taxa de conversão na qual você transforma visitantes em compradores(analytics), bem como as diferentes maneiras de usar para direcionar o tráfego em direção a ele.

As informações criadas até agora sobre o assunto de marketing na Internet preencheriam várias vidas de aprendizado, portanto, não importa quanta paciência e diligência você tenha, simplesmente nunca aprenderá tudo. Foca no que dá resultado.

O cenário está mudando o tempo todo e o melhor que você pode fazer é tentar ficar a par das informações atuais sobre do que funciona e o que não funciona no mundo do marketing online.

Entretanto, abre o olho. Muitas vezes só querem lhe vender, então vale antes consultar.

Espero que este artigo tenha sido valioso. Busquei passar pra você apenas o que você deve aprender e que é necessário para começar a ganhar dinheiro on-line enquanto você continua sua jornada.

Quero desejar a você um sucesso incrível e espero que este simples guia para iniciantes de fazer dinheiro online seja apenas uma parte sua jornada para se tornar um milionário da Internet.

Forte abraço.

money-robot

Money Robot: bom demais para ser verdade? Funciona mesmo ou é mito?

Money Robot: bom demais para ser verdade? Funciona mesmo? (Estudo de Caso + Guia 2018)

10 de setembro de 2018 – Atualização:  depois de usar o Money Robot por mais de cinco meses, atualizei os resultados do meu site de teste e adicionei um guia para ajudar aos novos usuários.

Money Robot Submitter é uma das ferramentas de construção de links populares que está rapidamente ganhando popularidade entre a comunidade de SEO. Ele ajudará você a criar recursos da web 2.0, como blogs e contas de mídia social, que serão vinculados ao seu moneysite.

Continue Lendo

Técnica de venda na internet

Ebook Copywriting do Jordão Félix – NÃO COMPRE antes de ler.

Ebook Copywriting do Jordão Félix

e-book-copywriting-do-jordao-felix-ultimate-edition-2019-atualizado-capa

Ebook Copywriting do Jordão Félix

—-

Olá, tudo bem? Você se movimentou e chegou até aqui. Parabéns! É um dos grandes diferenciais dos profissionais que querem se destacar no mercado. Sabendo o que funciona e o que não funciona.

Somente 3 tipos de profissionais estão a procura deste conhecimento. Os profissionais que vendem muito bem, mas querem vender ainda mais; Os que vendem esporadicamente, e desejam vendas constantes e; Os que estão a lutando arduamente para fazer a primeira venda e farão de tudo para conseguí-la.

Para qualquer uma dessas 3 opções, esse artigo/review vai ser um divisor de águas. Nesse momento você deve estar se perguntando: Isso.. Eu me enquadro em uma dessas 3 opções.

Mas será que o ebook Copywriting do Jordão Félix ultimate edition atualizado 2019 entrega tudo o que promete? Será que vai me possibilitar vender todos os dias na internet de maneira inteligente e eficaz.

É sobre esse contexto que vamos tecer nosso artigo. Recomendo fortemente que leia até o final.

Pra quem é esse artigo? Para TODAS as pessoas que trabalham com vendas. Online ou Offline. Blog, E-commerce, Whatsapp, Minisite, Facebook, etc.. Você precisa saber disso!

Continue Lendo

plano-estratégico-de-marketing-09-passos-para-criar-um-imagem-principal

Plano estratégico de marketing – 09 passos para desenvolver um.

O sucesso do seu negócio depende do seu plano estratégico de marketing. Esse plano estabelece sua estratégia de marketing e, dependendo das necessidades do seu negócio, esse plano mudará com o tempo.

Pensando nisso, criamos um breve guia para você começar um plano de marketing estratégico ou atualizar um já existente e chegar onde deseja.

Plano Estratégico de Marketing – 09 passos para desenvolver um e atingir o resultado desejado.

Passo 01 – Defina metas e objetivos

Antes de criar um plano de marketing, você deve ter um propósito para isso.

Este propósito é baseado nos objetivos de longo prazo que guiam todos os seus esforços. Uma vez estabelecidas essas metas de longo prazo, divida-as em objetivos específicos.

Seus objetivos devem ser mensuráveis ​​ao longo de um período de tempo. Por exemplo, seu objetivo pode ser estabelecer uma estratégia de marketing de mídia social.

Enquanto isso, um objetivo relacionado a esse objetivo poderia ser ganhar 100 seguidores nas redes sociais durante o primeiro mês na plataforma.

2. Analise sua situação.

Uma análise de Pontos Fortes, Pontos Fracos, Oportunidades e Ameaças (S.W.O.T.) pode fornecer uma visão instantânea das situações que você enfrenta ao comercializar seus negócios.

Seus pontos fortes são o que tornam sua empresa única, enquanto seus pontos fracos são o que você pode melhorar.

A economia, seus concorrentes, tecnologia e outros fatores externos contribuem para suas oportunidades e ameaças.

Ao analisar sua situação dessa maneira, você pode melhorar suas estratégias de marketing, superando desafios que podem ou não estar sob seu controle.

Crie personas de clientes para ajudar a descobrir quem são seus clientes ideais. Isso ajudará com sua análise.

Tendo em vista que esta é uma das maiores dificuldades do mercado, vou facilitar sua vida. Você pode criar sua persona grátis aqui guiado por um passo a passo. Dessa forma, tudo vai ficar mais claro.

Se mesmo assim não conseguir, vai no Facebook Audience Insights, que lá tem tudo o que você precisa saber.

3. Mapeie suas mensagens.

Sua mensagem faz parte da sua estratégia de marketing e da sua marca. Para criar um mapa de mensagens, comece escrevendo uma instrução ZYX que contenha informações básicas sobre sua negócio online ou o que você tiver.

Em seguida, centralize outras mensagens relacionadas a seus produtos, clientes e serviços ao redor da instrução ZYX.

Essas mensagens podem então ser incorporadas à sua declaração de missão, comunicados à imprensa e outros materiais de marketing.

Para aprender a criar mensagens que criem a melhor imagem do seu negócio estude sobre a criação de conteúdo.

4. Viva sua missão.

Sua empresa/negócio tem um conjunto de valores que a orienta. Criar uma declaração de missão descreve esses valores e garante que as pessoas que interagem com sua empresa estejam cientes delas.

Seja sua empresa física ou negócio digital. Apenas certifique-se de que essa mensagem reflita honestamente sua marca, para que você possa demonstrar ativamente os valores descritos na declaração de missão por meio de suas interações com os clientes.

Essa declaração e como ela é realizada pode fazer ou quebrar a confiança dos seus clientes ou seguidores. Nós demonstramos esses valores criando conteúdo que vai de fato ajudar você a subir de nível.

5. Delineie suas táticas.

Uma estratégia de marketing bem-sucedida é composta de muitas táticas diferentes, incluindo opções on-line e off-line.

Seus objetivos, público-alvo e setor contribuem para essa decisão. Por exemplo, se o seu público-alvo for jovem, o foco nas mídias sociais será mais benéfico, pois é principalmente onde esse grupo consome conteúdo.

Se a sua indústria é baseada em produtos (por exemplo, se você cria jóias), então usar uma plataforma mais visual mostraria melhor seus produtos.

Para ser mais eficaz, você tem que escolher quais métodos são adequados para o seu negócio.

Depois de selecionar suas táticas, aliste-as em seu plano de marketing e determine como elas ajudarão você a atingir suas metas.

6. Faça uma linha do tempo.

Seu tempo é precioso, especialmente quando se trata de suas estratégias de marketing.

Com base nas metas e objetivos que você definiu para sua empresa, crie uma linha do tempo que determinará o que será concluído e quando.

Lembre-se de reservar mais tempo para eventos inesperados que podem atrasar alguns de seus objetivos.

Usar um software de gerenciamento de projetos pode ajudá-lo a criar uma linha do tempo.

Usamos o Wrike, um programa que nos permite programar projetos em uma linha do tempo, que possui plano gratuito e tradução para o português.

7. Cuide do seu orçamento.

Criar um orçamento para suas estratégias de marketing pode informar seus esforços, determinando o que você pode e não pode pagar.

A escolha das opções mais econômicas para o seu negócio garante o sucesso do seu plano geral de marketing.

Isso não precisa limitar suas opções.

A publicidade paga nas mídias sociais e nos mecanismos de pesquisa permite que você escolha o valor que pode pagar, tornando-os acessíveis até mesmo ao menor dos orçamentos.

8. Divida e conquiste.

Depois de criar um cronograma para a criação e distribuição de seus materiais de marketing, atribua essas tarefas a membros de sua equipe.

Se sua empresa for pequena e não tiver a equipe necessária para realizar seu plano, talvez seja necessário contratar outra pessoa ou uma agência de marketing.

9. Meça.

Medir a eficácia de suas estratégias de marketing informará seu plano atual e seus esforços futuros.

Seu site, mídia social e outros materiais de marketing são fontes dessa informação. Para ajudá-lo a controlar isso, existem muitas ferramentas de análise on-line gratuitas disponíveis.

Apenas certifique-se de acompanhar apenas os dados relevantes para sua empresa para que essas medidas sejam eficazes.

10. Passo Bônus – Fique atualizado.

Seus objetivos e necessidades de marketing vão mudar com o tempo. Idealmente, você deve rever seu plano de marketing uma vez por ano e fazer ajustes conforme necessário.

Você deve escrever seu plano de marketing com este crescimento em mente para que possa medi-lo.

Enquanto isso, acompanhe as novidades do setor e as tendências que você pode adicionar às suas próprias estratégias.

11. Passo Bônus 2 – Revisão, revisão, revisão

O processo de planejamento estratégico não acabou. Nunca deve terminar, pois um plano estratégico deve ser um documento dinâmico e vivo.

Para garantir o desempenho, você precisa realizar revisões formais regulares e refinar de acordo.

Essas revisões devem ser pelo menos uma vez por trimestre e possivelmente mensal, dependendo da sua organização e do seu setor.

Você pode não conseguir fazer o seu plano estratégico da forma mais correta na primeira vez, e está tudo bem. É normal.

É importante iniciar o processo e aprender enquanto você está executando. Se você implementar corretamente as 11 sugestões acima, parabéns!

Você acabou de evitar alguns dos principais erros dos novatos enquanto construía seu plano estratégico.

Conclusão

Como você pôde acompanhar, estabelecer um plano estratégico de marketing mantém seus objetivos de negócios organizados e focados, economizando tempo e dinheiro valiosos.

Mesmo que você já tenha um plano de marketing, você ainda pode colher esses benefícios mantendo-o atualizado.

Por favor, aplica e depois me conta o resultado. Forte abraço.

como-vender-como-afiliado-cinco-passos-infaliveis-para-vender-no-facebook

Como Vender Como Afiliado: Os 05 Passos Infalíveis Para Vender No Facebook

Olá, tudo bem? Fique a vontade, espero que aprecie a leitura. Parece impactante, mas tudo começa na venda. Aqui, você vai aprender os 5 passos. Se preferir, ouça o artigo no box acima ao final, leia a conclusão.

Vender motiva, desafia, empolga e incentiva a continuar com gás e proporciona momentos únicos como viagens e investimentos para ampliar o conhecimento.

Não sei em que ponto de estudo você se encontra, mas estes 5 passos vão te dar a base para que chegue onde quiser ao ir se aprimorando, então, fica ligado.

Como Vender Como Afiliado: 1º passo: gerar valor.

Provavelmente você já percebeu que qualquer postagem no Facebook, hoje, gera centenas de links de afiliado que nem ao menos lêem a postagem.

Amadorismo de primeira qualidade. Nesse aspecto, você já consegue perceber que quem se destaca é quem tenta ajudar de forma genuína e sincera.

Porque vão na contramão da boiada. Ao fazer isso, conseguimos derrubar a armadura do receptor da mensagem. Ele começa a lhe ouvir, agradecer e aprender seu nome.

Entretanto, ao invés de dizer “vou te chamar inbox” ou “me chama inbox” onde as pessoas já associam a quem quer vender, adicione a pessoa como amigo(a) e aguarde para o segundo passo

2º passo: Se Aproximar

Hoje em dia, não dá mais para vender soltando links. As pessoas já ignoram os links sem olhar. É a sua chance de chegar ao prospecto.

Então, ao gerar valor pra ele (a), adicione-o(a) como amigo para conversa em particular pelo chat pessoal. Sem concorrência e sem barreiras, mas não vá direto ao ponto ou vai perder tudo o que já começou.

O objetivo da conversa é entender as dores mais profundas. Ouça mais do que fale. Esta é a etapa das perguntas abertas, que não dão margem para respostas – sim ou não.

Aqui você estará conhecendo a outra pessoa e eu posso te afirmar que ela não está interessada no que você tem para vender.

Ao contrário, ela está buscando algo que cure a “dor” que está sentindo neste momento. Aqui é o momento de perguntar o que mais incomoda. Esse é ponto que deve ser focado no próximo passo.

>> Leia Também: Afiliados: Porque você não vende <<

3º passo: Apresentar a solução

Agora que você já gerou valor, quebrou as barreiras da dúvida, já mostrou que não é qualquer um e já aprendeu como vender como afiliado, é hora de abrir a caixa de ferramentas.

Uma boa triagem no item anterior é mais de 50% andado para entender a hora da compra.

Quando perceber que avançaram no campo das perguntas que você já tem as respostas, é hora de oferecer exatamente o que cura essa dor.

Existe um fluxo, existem etapas que não devem ser negligenciadas.

Dominar o entendimento de cada etapa e a hora de passar para o passo seguinte é a chave para aumentar exponencialmente seu resultado orgânico.

Eu garanto. Nesta etapa, você vai se deparar com as objeções. Não tenho dinheiro, não sei se é o momento etc.. Estude antes para entender quais são as principais objeções e aprenda a contorná-la.

Antes de falar em preço, gere MUITO Valor para o produto ao qual está oferecendo. Quanto mais valor o outro enxergar, mais vai estar propenso a pagar o preço. Caso ainda não dê certo é porque ainda não está seguro. Encontre o ponto que não ficou claro.

PS.: Uma boa saída para a justificativa de “Não tenho dinheiro” é:

Eu sei, eu quero saber quanto tempo mais você vai continuar assim, se sabotando e evitando seu sucesso investindo no que vai mudar *usa as dores aqui* sua autoestima, o stress da família lhe cobrando e parte para o passo 4.

>> Leia Também: Ganhar dinheiro na Internet de Forma Honesta é Realmente Possível?

4º passo: Fechamento

E ai, vamos juntos começar a construir o seu sucesso? Só tem duas respostas aqui, Sim! Vamos ou Não sei…

O fechamento é hora de focar nas perguntas fechadas, que não dá espaço para justificativas é sim ou não.

Em caso de não, encontre o motivo e volte, reexplique o ponto demonstrando como vai ser benéfico para ela e se ficou claro a explicação ou se ainda tem alguma dúvida.

Lembre-se de demonstrar que vai estar ao lado dela durante todo o processo. Quem vende por vender, só vende uma vez, mas você quer ser um super afiliado e vai mais além. Vai até a etapa 5.

>> Leia Também: Psicologia De Vendas – 07 Gatilhos Mentais Que Aumentam Suas Vendas (Garantido)

5º passo: Pós Venda

Você fez a venda, ficou feliz pra caramba, ajudou uma pessoa a se sentir melhor, a chegar mais longe, a sair da zona de conforto, ganhou sua comissão e agora?

Agora acompanha. Procura saber como está o aprendizado, se o acesso ao curso já chegou no e-mail, se estava dentro do que ela estava esperando.

Este pequeno gesto não só vai lhe dar uma venda como vai lhe dar todas as vendas futuras que essa pessoa precisar. Porque ser orientado e ter alguém que se preocupe de verdade com o seu resultado, é raro.

Então, seja essa pessoa. É isso que eu faço com quem compra algo com minha indicação. Acompanho oriento nos passos atuais e já conheço os próximos passos.

Quando eles estiverem prontos, vão me pedir orientação para o próximo passo e eu vou continuar orientando

>> Leia Também: 10 Dicas Infalíveis Para Afiliados Iniciantes

Conclusão + Dica Bônus

Dica extra 👉 Na hora de adicionar ao Facebook, Crie uma planilha no Excel, coloque as 5 fases e o nome de cada pessoa que você está conversando.

A medida em que for avançando de etapa, vá movendo o nome pela planilha. Assim vai ficar ainda mais fácil saber quem já está pronto para fechar negócio contigo. Aumentando demais seus resultados.

Você vai vender! É matemática e assim como ela, é uma ciência exata.

Com o conhecimento certo, o que você precisa é encontrar pessoas que estejam com a “dor” que seu produto cura.

Não importa se você precisa abordar 10, 20, 30, 50. Vai vender.

Sempre acompanhe seus contatos, saiba quantos já abordou e após a 4ª venda, você vai ter uma média de quantas pessoas você precisa abordar para fechar uma venda.

05 pessoas para uma venda 10 pessoas pra uma venda, 20 pessoas pra uma venda, 50 pessoas para uma venda.

Após isso, por exemplo, se forem 10 pessoas para uma venda, a cada um não você comemora como uma conquista porque vai estar mais próximo do fechamento do que estava antes do não recebido, e diz pra você mesmo “Só faltam mais 9 UHULLL”. E assim por diante.

Além disso, sempre analise as suas vendas para ver onde as pessoas começaram a criar dificuldades. Se um padrão se apresentar significa que você precisa estudar mais esta etapa.

PS.: Abordar 1 pessoa por dia ou 1 a cada 3 dias, ou 1 por semana, vai ser muito difícil vender. Tente fazer isso em média 10 pessoas por dia. Ao final do mês serão 300 pessoas. Eu garanto que você vende aplicando o que expliquei no artigo.

Sucesso!!

Fez sentido pra você? Deixa um comentário e vamos juntos compartilhar o sucesso.

>> Leia Também: Afiliados A Verdade Oculta Por Trás Do Sucesso [Revelada]

afiliados-porque-voce-nao-vende

Afiliados: Porque você não vende?

A dificuldade da maioria dos afiliados que estão começando é vender. Já foi assim comigo e já foi assim com outras pessoas conhecidas e será assim com outras mais. É normal, mas pode se tornar perigoso. Então tenha cuidado.

[Neste artigo você vai começar a entender o que acontece e retomar o autocontrole, como eu fiz para mudar isso e voltar a vender].

A medida em que o tempo vai passando e as vendas não acontecem, começamos a perder nossa paciência e consequentemente nossa essência, atirando para todos os lados. Viramos Spammers. Nessa hora o jogo muda!

Jogamos para o universo o desejo de vender por vender.
Mais tempo passa e a situação piora, o desespero aperta e finalmente você desiste porque acha que não é pra você.

Essa dificuldade é muito comum, aconteceu comigo e eu vou lhe contar como eu consegui perceber.

Como dar a volta por cima e começar/voltar a vender.

Nossos dias estão cada vez mais corridos, as obrigações chegam cada vez mais cedo, as obrigações chegam todos os meses e sim, você precisa resolver.

É assustador mas é possível contornar. Depois me anos acompanhando os grupos de Facebook e outros canais de comunicação, percebi que essa situação acontece com centenas de pessoas diariamente. Por isso cada comentário vira um campo de guerra entre Spammers.

Parte disso se explica com pessoas que, acomodadas ou desesperadas, acreditam na promessa “olha como eu fiz 5 mil e 37 minutos, trabalhando sentado em frente ao meu computador”.

E mostram resultados de outras pessoas. Como os iniciantes não sabem, as vendas da Hotmart, com os Preents do celular, saem com foto e dificilmente você verá um preent dos ganhos com foto.

A culpa não é sua. Você não tem como saber se é ou não verdade porque não conhece, mas fique tranquilo (a), porque tem salvação.

Como transformei o desespero por vender em motivação

Você está nesta situação hoje? Eu não sei como você está se sentindo, contudo, quando estava passando por isso, me sentia pesado e desesperado, fazendo qualquer coisa pra fazer uma venda, “atirando” cursos baratos, sem qualidade, qualquer um servia.

Graças a Deus eu não vendi nesse estado. Ia me sentir muito mal depois. Tudo mudou pra mim, quando estudando e pesquisando encontrei um vídeo o qual me lembro até hoje que dizia:

Hoje, os dias estão tão corridos que as pessoas não têm mais tempo de olhar pra dentro.


Naquele momento tudo mudou em minha vida. Foi impactante pra mim, como se eu houvesse levado um choque.

Comecei então a refletir e ver que realmente eu estava tão obcecado por vender que não me sobrava mais tempo pra mim, tempo pra família, tempo para pensar sobre o meu dia e, principalmente, sobre o que eu estava tentando fazer ao oferecer algo que eu não acredito que vá ajudar.


Afiliados: Porque você não vende? Como meus resultados começaram a mudar

Decidi então tirar 2 dias pra descansar e pensar a respeito, aquela frase havia mesmo causado um grande impacto em mim.

Nesse tempo, ainda estudando e assistindo vídeos, me deparei com um método muito humano, por “coincidência”, que me desconstruiu de uma vez. Mas fez total sentido e foi a grande responsável pela mudança nos resultados. Leve pra sua vida.

A melhor maneira de vender é não vendendo é ajudando. As pessoas odeiam vendedores, mas adoram comprar.

Desde então, eu venho gerando valor para as pessoas com as quais converso e, se ver que o problema dela pode ser resolvido com algum curso que eu já fiz, então eu dou a sugestão e mostro que estarei ao lado dela quando sentir dificuldades.

Conclusão

Ganhar a confiança de alguém, faz com que ela não só se espelhe, mas que compre sempre com você. Ajudando alguém, nos tornamos a “luz” que elas precisavam.

Ajudar as pessoas, faz com que elas se sintam sortudas, amadas, que vejam você como uma pessoa de bem que realmente gosta de ajudar (algo escasso nos dias de hoje).

Antes de fazer uma venda, faça um amigo. Quem sabe assim ao invés de fazer uma venda, faz três, com as indicações que vai receber.

Espero que este artigo tenha lhe ajudado de alguma forma.

Forte abraço.

afiliados-porque-voce-nao-vende
plugin-para-wordpress-yoast-seo

Plugin para WordPress – Yoast SEO ajuda a otimizar seu site para os mecanismos de busca

Plugin para wordpress, Yoast SEO:  WordPress é uma plataforma open source que veio para facilitar a vida de milhares de blogueiros e, até mesmo, profissionais de diversas áreas como a nossa. Empreendedorismo e Marketing de Afiliados.

Ter um site por lá é algo simples até para pessoas fora do nicho de webdesign. Mas, com toda essa facilidade, às vezes esquecemos de que o WordPress deve ser, além de prático, funcional.

Para ter um site WordPress funcional e otimizado é fácil. Com apenas um clique é possível instalar seu site WordPress se a hospedagem já tem o serviço integrado.

Entretanto, para otimizá-lo nos padrões dos mecanismos de busca, a dica é, se você está começando, o Yoast WordPress SEO. O plug-in YOAST do WordPress é eficiente na elaboração de titles e meta-descriptions otimizadas.

Veja um exemplo básico abaixo: A palavra-chave em foco para o exemplo é WordPress SEO.

O plug-in calcula a densidade dela e o número de vezes que aparece dentro do post, para que, assim, técnicas como Black Hat sejam evitadas. Ainda, o Yoast calcula o número de caracteres do title, facilitando a otimização.

Continue Lendo

ancoragem-o-que-é-e-como-utiliza-la-na-mesa-de-negociacao

Ancoragem: O que significa e como utilizá-la em negociações.

O que significa ancoragem exatamente e como utilizá-la na “mesa” de negociação?

É bem provável que você, caso não conheça o termo, esteja se perguntando “diabéisso?” Eu não sou navio pra precisar saber disso (terrível essa kk).

Mas fica comigo aqui que esta pode ser a sua virada de chave para conseguir se tornar um(a) expert em negociação. Visto que o efeito da ancoragem é um dos fenômenos mais sólidos testados no mundo da psicologia experimental.

Considere este exemplo sobre ancoragem citado na Harvard Business School pelo membro do corpo docente, Guhan Subramanian.

Enquanto executava uma simulação de negociação em uma de suas aulas, Subramanian notou que um estudante gastou uma quantidade considerável de tempo explicando por que US$ 10,69 por hora seria um salário impossível para oferecer ao seu colega. O preço final do negócio? US$ 10,69 por hora.

Agora tente imaginar que você está prestes a entrar em uma entrevista de emprego esperando um salário de R$ 75.000, com base em sua experiência e nos padrões do setor.
Continue Lendo

seo-o-que-e

SEO O que é?

SEO o que é? SEO significa Search Engine Optimization.  É tudo sobre como otimizar um site para os motores de busca. SEO é uma técnica para:

  • projetar e desenvolver um site para classificar bem nos resultados dos mecanismos de busca.
  • melhorando o volume e a qualidade do tráfego para um site a partir de mecanismos de busca.
  • marketing, entendendo como os algoritmos de busca funcionam e o que os visitantes humanos podem pesquisar.

SEO é um subconjunto do marketing de mecanismos de busca. SEO também é conhecido como SEO, porque a maioria das técnicas que são usadas para promover sites nos mecanismos de busca, lidam com texto.

Se você planeja fazer algum SEO básico, é essencial que você entenda como os mecanismos de busca funcionam.

Continue Lendo
Psicologia da Venda: 07 Gatilhos mentais que aumentam as vendas.

Psicologia de Venda: 07 Gatilhos mentais que aumentam as vendas de Afiliados.

07 gatilhos mentais que aumentam as vendas de afiliados e influenciam a decisão dos clientes.

Sempre que alguém me pergunta que livros de marketing eu recomendo que irão ajudá-los a vender mais e aprender sobre a psicologia da venda, o primeiro deles é Influence, de Robert Cialdini, publicado em 1984. Então eu recomendo ler o livro Pre-Suasão, publicado em 2016.

Professor de psicologia de vendas e marketing, Cialdini expõe sete formas de fazer as pessoas dizerem sim ao que você está pedindo. Qualquer pessoa que viva de vendas, online ou offline, deve conhecer e viver esses sete princípios da psicologia da venda.

Continue Lendo

efeito-halo-como-utiliza-lo-em-sua-empresa

Efeito Halo: O que é e como aplicar em seu Marketing

O “efeito halo” ocorre quando uma empresa ou produto encontra sucesso de marketing devido à sua associação com uma empresa, produto ou outro elemento reconhecível. Se o efeito halo for usado corretamente, ele pode ajudar uma empresa a economizar dinheiro em marketing usando o impulso anterior para alcançar um público-alvo. Mas também há perigos para essa abordagem de marketing que os empresários precisam entender. Examinando exemplos de marketing de efeito de halo, você pode entender melhor seus benefícios e desafios.

Continue Lendo

[Tutorial] Google Analytics e Search Console: Como configurar?

[Tutorial] Google Analytics e Search Console: Como configurar?

Como configurar o Google Analytics e o Search Console do Google / Ferramentas do Google para webmasters

Quando você move seu site para ssl, é necessário ajustar suas configurações no Google Analytics e nas Ferramentas do Google para webmasters / Search Console. Não é muito trabalho, mas é importante corrigi-lo. Em resumo, você precisa definir seu domínio principal nas Ferramentas do Google para webmasters e no Google Analytics para o seu domínio https. Discutirei o Search Console primeiro, mas não importa em que ordem você faz isso.

Continue Lendo

Como organizar profissionalmente suas estratégias no marketing digital

Como organizar profissionalmente suas estratégias de marketing digital

Como organizar profissionalmente suas estratégias de marketing digital. Esta é uma dúvida que recebo com grande frequência, então decidi trazer este artigo para ajudar a quem precisa. Se este é seu caso, fica comigo até o final.

 

My Image


Sem dúvida, fazer um planejamento estratégico adequado é uma das partes mais críticas de qualquer empreendimento. 
Como dizem, "Se você não planeja, planeja fracassar". É a alma dos negócios em qualquer empreendimento e o 
marketing digital não é diferente.

Ao criar uma estratégia de marketing para lançar seu negócio digital, você estará um passo à frente de seus concorrentes.
É um passo essencial para guiá-lo em direção aos seus objetivos. Neste post, vamos ajudá-lo a organizar suas estratégias como um verdadeiro profissional de marketing na internet. Então, vamos chegar a isso?

 

My Image

1. Defina seus objetivos

Ser claro sobre quais são os seus objetivos reais é essencial para o sucesso do seu negócio.
O que você quer alcançar com o seu projeto online?
Vender mais?
Captura de leads?
Conquista de mais clientes?
Tornar-se uma referência em seu nicho de mercado?
Criar uma audiência?
Tem mais visualizações?
Mais visualizações em suas postagens?
Comentários?
Ações?

My Image

2. Estabeleça metas

Depois de esclarecer quais são seus objetivos, comece a defini-los.

Há uma frase que resume muito bem a diferença entre uma meta e um objetivo:

"Um objetivo nada mais é do que uma meta quantificada."

Estabelecer métricas. Quanto tempo? Que quantidade? Que números? E assim por diante.

Mais importante, vale lembrar que uma meta deve seguir pelo menos esses princípios básicos:
Ser viável: um alvo deve ser alcançável. 
Ser mensurável: Produza evidências tangíveis de que você realizou o objetivo.
Ser desafiador: os objetivos devem ser desafiadores, mas não desanimadores. foco nos resultados: os objetivos devem medir os resultados, não as atividades.
* Ter dificuldade moderada: objetivos fáceis não são motivadores. Por outro lado, metas difíceis são desencorajadoras.

My Image

3. Rastreie o perfil do seu público-alvo. 
No marketing digital, isso é chamado de Avatar. Para quem seu conteúdo é direcionado?

Depois de definir seu público, crie um consumidor em potencial. Personifique com todas as suas características. Crie o chamado Persona. Isso ajudará você a entender seu comportamento, suas dores, suas necessidades e seus desejos.

Para ajudar você a configurar seu Avatar, forneceremos uma pequena lista de verificação para que você possa usá-lo como um guia.
Gênero: Masculino ou Feminino?
Quantos anos eles tem?
Onde é que eles vivem?
Quais são os seus interesses?
Quais são seus problemas?
Quais são as suas dores?
Quais são seus medos?
Quais são as suas frustrações? (físico / psicológico)
Quais são seus desejos e sonhos?
O que eles acreditam?
O que eles têm?
O que eles não têm?
O que eles são?
O que eles não são?

My Image

4. Identifique seus recursos

Faça listas de quais recursos você precisará para sua empresa.

Divida-os em quatro partes:
 
1º Recursos humanos:
Como você pode ter percebido, para ter sucesso na internet marketing hoje em dia você terá que agir como um profissional. Você terá habilidades em algumas áreas e precisará da ajuda de outras pessoas. Ter ajuda profissional é essencial à medida que sua empresa cresce. Forme sua equipe. 

Seja na casa (funcionários) ou terceirizada (agências e freelancers). Sempre tem pessoas por perto para ajudá-lo com o que você não tem tanta habilidade. Apenas não delegue ou terceirize seu negócio principal ou a essência do seu negócio. Aquilo que só você deve dominar e que gera valor para seus seguidores.

2º Ferramentas Digitais:
Na internet marketing, você precisará de ferramentas digitais para quase tudo que você faz em seu negócio. 
Você pode comprar essas ferramentas separadamente, ou você pode contratar uma plataforma de marketing na internet com tudo integrado, como a Builderall. 
Cada empresa terá suas necessidades específicas, mas, em geral, você precisará de um criador de sites responsivo, que se ajusta a qualquer dispositivo, um blogger otimizado para mecanismos de pesquisa, um autoresponder de e-mail que possa enviar e responder automaticamente a e-mails, funis de vendas e uma miríade de outras ferramentas.

3º Recursos físicos:
Quais recursos físicos você precisará para o seu negócio?
Qual equipamento? Que lugar? Você terá um escritório ou um escritório em casa?

4º Recursos financeiros
Quanto dinheiro você precisará para colocar seu negócio em prática? Não se esqueça de separar um orçamento de marketing para pagar a equipe, contratar ferramentas, infraestrutura e muito mais. Lembre-se também de que, até que o seu negócio comece a gerar lucro, você terá que pagar pelas despesas do negócio, bem como suas despesas (moradia, transporte, alimentação, etc.).

»» Leia também: Builderall Review: Minha opinião pessoal

My Image

5. Desenvolva um cronograma de ações
Faça um cronograma de todas as ações necessárias para alcançar seus objetivos.

Destaque quem na sua equipe será responsável por realizar cada operação.

Planeje a linha do tempo em uma sequência lógica e, sempre que possível, execute as ações com o maior grau de complexidade e dificuldade primeiro.

Depois de todo esse planejamento, as chances de sucesso do seu negócio serão muito mais significativas. Agora, você só precisa colocar em prática.

E aí, já tem uma plataforma que possa lhe dar esse suporte para criar um negócio do zero?

Se não, clique aqui. Essa é uma das plataformas mais completas que uso. Deixa no comentário sua opinião, curta e compartilhe.


6. Marketing Online

Vamos ser honestos: se você gere um negócio, você precisa de email marketing. É por isso que recomendo a Benchmark. Com um conjunto de ferramentas web amigáveis ao usuário, pode enviar emails e newsletters, criar um arquivo online, publicar as suas newsletter em seu blog e mais. Envie campanhas e monitore-as em tempo real. Teste grátis clicando neste link em azul e permaneça utilizando até 2000 contatos sem custo, para não mais ter dores de cabeça utilizando e-mails que não entregam na caixa de entrada (fator fundamental para otimizar os resultados) Teste grátis agora mesmo.

Forte abraço.

 

grupos-privados-instagram

Grupos privados Instagram: O truque secreto para aumentar o seu engajamento

Instagram: O truque secreto para aumentar o seu envolvimento

Continue Lendo

5 regras de mídias sociais impossíveis de ignorar

05 regras de mídias sociais impossíveis de ignorar

As mídias sociais  podem nivelar o campo de jogo entre os líderes do setor e os iniciantes, entre os executivos de corporações multinacionais e proprietários de pequenas empresas, fazendo com que as oportunidades sejam iguais para todos os participantes. No entanto, as aparências podem enganar.

Então, o que faz a diferença entre um seguimento de 500 e um seguimento de 500.000? Enquanto as celebridades da lista A podem ter uma vantagem sobre a maioria das outras pessoas, outras queridelas nas mídias sociais aumentaram sua base de fãs de forma mais orgânica, e você pode aprender com suas estratégias.

O que se segue são cinco chaves escolhidas a partir de queridinhos do atual cenário de mídia social para aumentar sua influência de uma maneira que possa fazer a diferença em suas estratégias de negócios.

Continue Lendo

Instagram-13-dicas-para-ajudar-você

Instagram: 13 dicas avançadas para ajudar você a começar sua escalada

O Instagram, já faz algum tempo que passou por mudanças dramáticas no modo como opera. Do lado positivo, agora você pode postar fotos que não são quadradas, você pode gostar de comentários, adicionar histórias no Instagram e melhorar suas ferramentas de edição e filtros, bem como você também pode estar ao vivo.

Do lado negativo, eles desativaram a capacidade de muitos utilitários de terceiros que podem ajudar as pessoas a gerenciar contas. O pior de tudo é que mudaram a maneira como o algoritmo funciona e, para muitos, inclusive eu, o engajamento (curtidas e comentários) vinham diminuindo.

Então, eu procurei algumas dicas e truques de outros especialistas do Instagram para que eu pudesse voltar ao caminho certo. Aqui estão 13 dicas de Instagrammers de sucesso que ajudarão você a construir um Instagram poderoso e engajado:

1. Conteúdo Criativo

Ser criativo e original é a melhor maneira de obter a atenção de um possível seguidor. Inicialmente, apelar para um grupo demográfico específico ou área de interesse permitirá que você coloque seu pé na porta e inicie o processo de tentativa e erro. A criatividade do seu conteúdo será sempre a variável decisiva na sua capacidade de obter uma publicação viral. O conteúdo sempre será rei.

2. Promoção cruzada de sua marca

Encontre contas que façam coisas parecidas com o que você está tentando fazer com sua marca e se ajudem mutuamente. Por exemplo, se você está criando um blog de moda, encontre outros blogueiros nesse espaço com seguidores semelhantes e promova um ao outro. Se ambos tiverem 2.000 seguidores, o objetivo seria atingir os 5.000 seguidores. Então, você pode fazer outro parceiro – desta vez, um com 5.000 seguidores, assim como você. E assim por diante.

3. Mostre que você se importa

O pequeno ato de seguir alguém de volta ou responder a um post pode ser um longo caminho. Envolver-se com seus seguidores – e fazer um esforço autêntico para mostrar que você realmente se preocupa com eles – é importante. Isso mostra que você é, de fato, uma pessoa real com interesses semelhantes ao seu público, e dá aos seus seguidores a chance de realmente se conectar com você.

4. Hashtags

Postagens com hashtags têm um desempenho um pouco melhor que as sem posts. Por mais simples que pareça, as hashtags fazem a diferença – apenas evite as proibidas.

Leia Também:
-» 5 regras dedia social que todo empreendedor deve saber

 Instagram – O segredo que ninguém revela

5. Ligue para os Gasparzinhos

Localize as pessoas que seguem você, mas não interaja com você – também conhecido como seus seguidores fantasmas. Algumas delas podem ser spam ou contas inativas, mas muitas delas são pessoas reais que simplesmente não veem mais seu conteúdo por causa do algoritmo. A interação com essas contas os lembrará por que eles seguiram você em primeiro lugar e levarão você de volta ao feed deles.

É muito mais fácil converter o engajamento de seguidores existentes do que conquistar novos seguidores ou perseguir o engajamento com hashtags. Uma taxa de engajamento maior dos que seguem você aumentará sua credibilidade dentro do algoritmo e sua probabilidade de acessar a página de exploração, levando a mais seguidores.

6. Um único tema

Escolha um tema para sua conta, concentre-se nele e não apenas pule por todo o lugar. Se o seu feed do Instagram tiver fotos de comida, memes, cachorros e imagens de um nascer do sol sobre Detroit, as pessoas não saberão o que você representa e não se sentirão tão atraídas por você.

7. Eduque seu público

Não tenha medo de dizer aos seus seguidores e às pessoas que você segue exatamente como eles podem apoiá-lo melhor. Deixe-os saber o quão significativos são os seus comentários. Lembre-se: há (geralmente) uma pessoa real por trás de cada postagem no Instagram.

8. Participe de um Grupo Privado

Todos os especialistas recomendam a participação em um grupo privado de engajamento, que é simplesmente um grupo de 10 colegas Instagrammers que concordam em curtir e comentar (com cinco ou mais palavras) os posts um do outro nos primeiros 30 minutos. Isso, de acordo com a maioria das fontes, acelera o algoritmo Instagram e aumenta sua postagem para mais pessoas. Estou em um pod e compartilhamos nossos links no Instagram via WhatsApp, mas a maioria dos pods usa o Instagram messenger para se comunicar.

9. Edite suas fotos

Para publicar seu melhor post, edite suas fotos com um editor mais sofisticado do que o próprio Instagram. O Snapseed do Google é um excelente aplicativo de edição gratuita.

10. Seja original

Eu gosto de ver o que todo mundo está fazendo e tentar um ângulo ou perspectiva diferente. É por isso que gosto de olhar de perto pessoas em lugares interessantes. É um momento único. E, não esqueça que preto e branco às vezes é melhor que cor.

11. fotos de qualidade

Talvez seja porque a fotografia, mas me doi quando as pessoas postam imagens de baixa qualidade. Como pode esperar que alguém goste de algo na mídia social de que você não gosta? Imagens de baixa qualidade são a maneira mais segura de obter baixa interação. Leve o tempo que precisar, use uma câmera real, se você puder (não é mais tabu) e poste imagens atraentes, caso não tenha, tente usar um editor para melhorar.

12. Não seja como o Google

Se você puder encontrar a foto que está postando no Google, não terá muito envolvimento. Se você tirar uma foto de um lugar ou coisa comum, certifique-se de que a foto será incrível.

13. Trabalhe nisso

A mídia social não é algo que você faz por um tempo, é um estilo de vida. Dizer isso, significa postar pelo menos cinco vezes por semana e curtir e comentar outras postagens todos os dias para que seu perfil seja sempre lembrado e, dessa forma, seu alcance se tornar cada vez maior.

O caminho para o sucesso no Instagram pode trilhar espaços invisíveis, mas agora você tem um guia para navegar sobre ele.

Se você gostou do artigo, por favor, deixe um comentário, compartilhe em suas redes sociais e deixe a competição de lado. Dessa forma todos ganham.

Forte abraço e muito sucesso.

builderall-review

Builderall Review – Minha opinião pessoal.

Builderall review. Praticamente todos os dia vejo discussões sobre a Builderall, se vale ou não a pena, se é confiável e essa é minha opinião pessoal.

Sempre recebo esse tipo de pergunta e questionamento, super válido. Afinal de contas, ninguém quer jogar dinheiro fora (nem Bill Gates).

Então acompanha!

Continue Lendo

instagram - o segredo que ninguém revela

Instagram – O segredo que ninguém revela

Instagram – O segredo que ninguém revela. Olá, meus amigos. Gabriel Nuness, mais uma vez com dicas valiosas para o seu sucessoMuitas pessoas querem o sucesso de ter muitos seguidores no Instagram mas não sabem por onde começar. Afinal de contas, são muitos especialistas no ramo indicando métodos infalíveis. 

 
Já estou vacinado contra isso. Apenas observo, pesquiso e aplico e hoje, quero economizar seu tempo de pesquisa e acelerar seus resultados. [Calma, não vou ofertar cursos milagrosos, nem métodos infalíveis – continua lendo e acompanha o raciocínio]
 

Continue Lendo

10-dicas-infalíveis-para-afiliados-iniciantes

10 Dicas infalíveis para afiliados iniciantes

10 dicas infalíveis para afiliados iniciantes: Olá Afiliado, beleza? Artigo curto e objetivo, nada de venda só conteúdo. Com muita frequência vejo afiliados perdidos sem saber o que fazer, por onde ir ou começar. Além disso, muitos não sabem o que precisa para se tornar um afiliado de sucesso.  É, eu passei por isso. Não sei se você leu meu artigo anterior. Nele conto um pouco do meu início no Marketing Digital e os erros que cometi. Se não viu, depois dá uma olhada.

Continue Lendo

ganhar-dinheiro-na-internet-sem-investir-e-possivel

Afiliados: A verdade oculta por trás do sucesso!

Afiliados: Ganhar dinheiro na internet sem investir é possível? Já são alguns anos observando o mercado de afiliados e a frequência no que tange a essa pergunta é um tanto quanto assustadora, mas compreensível.

Existem os que pensam em “se aproveitar” pra ganhar dinheiro online “no mole”. Também os que pensam que saindo do seu post e indo à página vendas do criador, vai ter desconto, quando na verdade além de não ter, ainda ficam perdidos sem orientação.

Existem os que desejam de verdade mudar a sua condição ruim e, por isso, buscam uma alternativa barata e/ou gratuita e existem os acomodados que, não só querem ganhar conteúdos, programas, bê-a-ba, de graça, como também querem que, além do conteúdo você faça por ele.

Ainda temos as pessoas que se autossabotam sem querer investir porque podem não ter resultados (mas na verdade, ela sabe que o curso permanecerá intocado e tampouco colocará em prática). 

Ao longo do artigo explico meu ponto de vista e vai entender a razão da minha conclusão, ainda que discorde. O que posso afirmar é que ou vai sair daqui êxtase ou vai sair antes de ler o artigo sobre ganhar dinheiro na internet até o final.

Continue Lendo

Morar em Portugal

Morar em Portugal [GUIA COMPLETO]

Morar em Portugal: Com tanta corrupção, impostos mal utilizados e qualidade de vida bem abaixo da média para a maioria das pessoas, o Brasil convida-nos cada dia mais a ir buscar outras opções de moradia para uma vida descente. Morar em Portugal se faz uma excelente opção devido à proximidade linguística e, em muitos casos, proximidades climáticas. Aqui, você vai conhecer mais sobre esse incrível país, como clima, população, idioma, segurança e o guia passo a passo para morar em Portugal.

Continue Lendo